Kelvin Hoefler e Letícia Bufoni deixam a seleção brasileira de skate; entenda

Dos 25 atletas que formarão a seleção brasileira de Skate em 2022, 10 estiveram presentes nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020

  • Por Jovem Pan
  • 04/04/2022 17h56 - Atualizado em 04/04/2022 18h02
Reprodução/ Instagram Kelvin Hoefler e Letícia Bufoni Kelvin Hoefler e Letícia Bufoni não estão na seleção brasileira de skate de 2022

A Confederação Brasileira de Skate (CBSk) divulgou nesta segunda-feira, 4, a lista de convocados para a seleção brasileira para a temporada 2022, a primeira depois do sucesso do esporte nas Olimpíadas. Medalha de prata na modalidade street na Tóquio-2020, Kelvin Hoefler não aceitou as condições impostas pela entidade – pelo novo acordo, atletas e confederação passam a realizar ações conjuntas de marketing e comunicação, como postagens em redes sociais e uso de adesivo no shape. A parceria ainda prevê, durante os encontros da seleção, a realização de cursos e palestras sobre a relação dos atletas com a imprensa e uso de redes sociais.

“O Kelvin conquistou a primeira medalha do Brasil em Tóquio e a primeira do skate brasileiro em uma Olimpíada. É sem dúvida um grande nome não apenas para o Brasil, mas na cena mundial. Esperamos que na próxima temporada ele volte a estar presente na Seleção”, disse Eduardo Musa, presidente da CBSk. Outro grande nome do Brasil no skate, Letícia Bufoni também não apareceu na lista de convocados. De acordo com o mandatário da entidade, ela se dedicará a projetos pessoais e profissionais na atual temporada. “A Leticia é um dos maiores nomes do skate feminino mundial. Por tudo que ela já realizou e conquistou no skate, é sempre uma referência importante dentro da Seleção. Esperamos poder contar com a presença dela novamente em 2023”, afirma Musa.

Dos 25 atletas que formarão a seleção brasileira de skate em 2022, 10 estiveram presentes nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Entre os nomes, estão Rayssa Leal (street) e Pedro Barros (park), medalhistas de prata no Japão. No street, ainda formam a seleção Pâmela Rosa, atual bicampeã do Super Crown da SLS (Street League Skateboarding – 2019 e 2021) e campeã dos Jogos Pan-Americanos Júnior de Cali (COL) em 2021, Felipe Gustavo, 3º na etapa de Lake Havasu da SLS 2021, e Giovanni Vianna, um dos grandes talentos da nova geração.

Confira quem são os atletas da seleção brasileira de skate:

Park
Feminino
Dora Varella – 31/07/2001 – São Paulo (SP)
Erica Leguizamon – 21/04/2007 – Garopaba (SC)
Isadora Pacheco – 29/03/2005 – Florianópolis (SC)
Raicca Ventura – 08/03/2007 – Santo André (SP)
Victoria Bassi – 22/07/2007 – Santo André (SP)
Yndiara Asp – 19/10/1997 – Florianópolis (SC)

Masculino
Augusto Akio – 12/12/2000 – Curitiba (PR)
Luigi Cini – 20/06/2002 – Curitiba (PR)
Luiz Francisco – 24/07/2000 – Lorena (SP)
Murilo Peres – 01/04/1996 – São Paulo (SP)
Pedro Barros – 16/03/1995 – Florianópolis (SC)
Pedro Quintas – 13/05/2002 – São Paulo (SP)

Street
Feminino
Gabriela Mazetto – 16/09/1997 – Praia Grande (SP)
Isabelly Ávila – 30/08/2004 – Itapetininga (SP)
Kemily Suiara – 08/12/2000 – Brasília (DF)
Marina Gabriela – 06/05/2003 – Campinas (SP)
Pâmela Rosa – 19/07/1999 – São José dos Campos (SP)
Rayssa Leal – 04/01/2008 – Imperatriz (MA)
Virginia Fortes Aguas – 10/03/2006 – Niterói (RJ)

Masculino
Eduardo Neves – 19/05/2002 – Curitiba (PR)
Felipe Gustavo – 22/02/1991 – Brasília (DF)
Gabryel Aguilar – 01/11/1999 – São Paulo (SP)
Giovanni Vianna – 26/01/2001 – Santo André (SP)
João Lucas Alves – 19/01/2001 – Cachoeirinha (RS)
Lucas Rabelo – 01/01/1999 – Fortaleza (CE)