Transparência Internacional pede adiamento das eleições e renúncia de Blatter

  • Por Agencia EFE
  • 28/05/2015 12h27
EFE Joseph Blatter

A organização Transparência Internacional (TI) pediu nesta quinta-feira a renúncia imediata do presidente da Fifa, Joseph Blatter, assim como o adiamento das eleições previstas para ocorrer amanhã em Zurique.

Em comunicado, a TI mencionou a última assembleia geral da entidade realizada em novembro do ano passado, quando foi aprovada uma resolução que exigia mais transparência na Fifa, especialmente quanto ao processo de escolha das sedes dos Mundiais de 2018, na Rússia, e de 2022, no Catar.

Também solicitou a publicação completa do relatório elaborado pelo promotor americano Michael J. García, que investigou as duas concessões em 2010, já que a Fifa só tornou público um resumo do documento de 350 páginas. Após a divulgação parcial, García renunciou à presidência do órgão de instrução da Comissão Ética.

Além disso, foi acordado que os países que contassem com um membro no Comitê Executivo da Fifa exigissem que esses dirigentes contribuíssem com a transparência.