Uefa considera “piada” pensar que há manipulação em sorteios de competições

  • Por EFE
  • 23/03/2017 12h23

Sorteio definiu os confrontos das quartas de final da Liga dos Campeões na semana passada

Sorteio definiu os confrontos das quartas de final da Liga dos Campeões na semana passada

O diretor de competições da Uefa, Giorgio Marchetti, afirmou nesta quinta-feira é uma piada cogitar a possibilidade de haver algum tipo de manipulação nos sorteios da entidade e negou a existência de esquemas, como o das “bolas quentes e frias”, para determinar que times se enfrentarão nos torneios.

“Como podemos ter bolas quentes e bolas frias? É impossível. Com a categoria das pessoas que convidamos para os sorteios, nunca me atreveria a pedir alguém algo que não fosse honesto no sorteio”, disse Marchetti em entrevista após discurso realizado no fórum “Football Talks”, na cidade de Estoril, em Portugal.

Marchetti respondeu dessa forma comentários que foram feitos antes do sorteio das quartas de final da Liga dos Campeões e que questionavam a lisura do processo. “Como posso sugerir algo assim para grandes ex-jogadores? É uma piada”, afirmou.

Após discutir os modelos das competições europeias até 2021 no discurso, Marchetti descartou que o reforço da presença de times dos quatro principais campeonatos nacionais europeus na Champions torne o torneio mais elitista.

“Mantemos o formato com 32 equipes e, pelo menos, 17 federações representadas. Portanto, falar de uma Liga dos Campeões mais exclusiva não corresponde à verdade”, defendeu.