Vampeta ignora ameaça de rebaixamento e se recusa a torcer pelo São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 29/03/2017 14h33

Vampeta é o presidente do Grêmio Osasco AudaxVampeta é o presidente do Grêmio Osasco Audax

Uma vitória do São Paulo sobre o São Bernardo, nesta quarta-feira, pela última rodada do Campeonato Paulista, ajudaria o Audax na luta contra o rebaixamento à Série A2. Mas se engana quem pensa que isto fará Vampeta torcer pelo time tricolor.

Em participação exclusiva no Esporte em Discussão desta quarta-feira, na Rádio Jovem Pan, o presidente do clube de Osasco se recusou a ansiar um triunfo são-paulino no jogo marcado para as 21h45 (de Brasília), em São Bernardo. 

“Tem uns caras aí nas redes sociais dizendo que eu vou ter de torcer para o São Paulo. Eu não torço para o São Paulo! Eu quero é que o São Bernardo perca. Aqui não é são-paulino. É corintiano! Se ganhar, parabéns. E se eu fizer a minha parte lá embaixo, não caio”, disparou Vampeta. 

Mas a conta não é bem esta… 

Dono da pior campanha do Campeonato Paulista, o Audax enfrenta o Santo André dentro de casa. Se vencer, ultrapassa o time do ABC. Restaria, então, torcer pelo tropeço de pelo menos mais um time com chances de ser rebaixado para evitar o descenso à Série A2. O São Bernardo está entre eles. 

“Eu só estou preocupado com a vitória do Audax... E quero que o São Bernardo meta três no São Paulo. Aqui é corintiano!”, provocou Vampeta, já admitindo uma possível derrota do clube do Morumbi.

Além de Santo André e São Bernardo, mais três times poder ser ultrapassados pelo Audax na última rodada do Campeonato Paulista: São Bento (pega o Mirassol, fora), Ferroviária (encara o Botafogo-SP, fora) e Red Bull Brasil (desafia o Ituano, fora). 

Para Vampeta, os dois rebaixados serão Santo André e São Bento.