A volta dos que não foram: Rodrigo Caio e Breno voltam a ser relacionados

  • Por Jovem Pan
  • 04/07/2015 14h50
Rodrigo Caio voltou após quase jogar no futebol espanhol; Breno recuperou a forma após três anos sem jogar

O volante e zagueiro Rodrigo Caio esteve muito perto de trocar o São Paulo pela Espanha por duas oportunidades. Em uma delas, não passou nos exames médicos realizados no Valencia; na outra, recusou uma proposta do Atlético de Madrid para jogar por empréstimo. Agora, o jogador se diz feliz em permanecer no Tricolor.

“Estou convicto desta decisão porque sei o que represento para o São Paulo e o que o São Paulo representa para mim. Jogar na Europa é o sonho de todo atleta, mas só saio daqui valorizado”, disse Rodrigo Caio ao site oficial do clube, mostrando confiança no futuro.

“Confio muito no meu futebol e tenho uma identificação enorme com o clube. O São Paulo é a minha casa e aqui vou mostrar o meu melhor. Estou muito motivado para jogar”, garantiu. “Estou confiante em conquistar o título brasileiro. Isso me motivou muito. O professor Osorio trouxe coisas novas e está fazendo muito bem ao clube e nosso elenco tem toda a capacidade de vencer. Fico no São Paulo para conquistar títulos”.

Com 117 jogos disputados pelo São Paulo, Rodrigo Caio se reapresentou ao clube neste sábado (4) e está relacionado para a partida contra o Fluminense, domingo, no Morumbi. Outro jogador que está de volta é o zagueiro Breno, convocado pela primeira vez para um jogo oficial desde que voltou da Alemanha.

“A minha vida é de um homem que luta para recomeçar. Tenho trabalhado o máximo de tempo possível no clube buscando o melhor. É um momento inesquecível, uma vitória. Estou muito feliz e confiante”, disse Breno, que teve problemas quando jogava no Bayern de Munique e chegou a ser preso. Por não jogar há três anos, o atleta de 25 anos sofreu para recuperar a forma física.