Após rompimento de barragem em Mariana, lama arrasta até casas; assista

  • Por Jovem Pan
  • 11/11/2015 20h42
Distrito de Bento Rodrigues foi atingido pela lama após rompimento de duas barragens de rejeitos da SamarcoLama atinge distrito de Bento Rodrigues

Novas imagens do avanço da lama após a ruptura de duas barragens na cidade de Mariana, em Minas Gerais, chocam pela violência com que derrubam casas e arrastam árvores.

A barragem de rejeitos da empresa de mineração Samarco se rompeu na tarde da última quinta-feira (05), entre os municípios de Mariana e Ouro Preto, a cerca de 110 quilômetros de Belo Horizonte.

Confira abaixo o vídeo que mostra a lama arrastando casas e árvores:

A lama das barragens chegou a atingir o Espírito Santo, no município de Colatina, no noroeste do Estado, na madrugada desta terça-feira (10). Para o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), visitou nesta quarta-feira (11), a cidade de Governador Valadares, a cerca de 300 quilômetros de Mariana, que foi afetada pela lama que corre no Rio Doce. Ele defendeu mudanças na legislação estadual para implementar punições mais duras a empresas envolvidas em danos à natureza.

“Nós precisamos rever a legislação ambiental deste Estado, que é antiquada e não resolve os problemas”, disse Pimentel. Também nesta quarta, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, disse que o Governo federal vai ser rígido na apuração de responsabilidades pela catástrofe.

Segundo Izabella, a mineradora Samarco, controlada pela Vale e pela BHP, será obrigada a fazer toda a limpeza e reconstituição integral do meio ambiente em toda a região atingida pelo rompimento das barragens. Sobre a aplicação de multa, Izabella disse que ainda aguarda mais informações sobre as causas do acidente e ações da empresa, mas garantiu que o Governo não vai “flexibilizar”.