Assalto a joalheria deixa reféns no centro de São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 15/12/2015 13h39
SAO PAULO, SP, 15.12.2015:ROUBO-JOALHERIA- Viaturas da PolIcia Militar foram acionadas para uma ocorrencia de roubo a estabelecimento comercial, por volta das 11h33, na rua Barao de Paranapiacaba, proximo a estacao Se do metro. Informacoes preliminares indicam que e um predio onde existem joalheiras, ha confirmacao de refens no local e o Corpo de Bombeiros tambem foi chamado para prestar apoio. A ocorrencia ainda está em andamento. O caso deve ser registrado no 1 Distrito Policial.(Foto: Dario Oliveira/Codigo19/Folhapress) Dario Oliveira/Codigo19/Folhapress Assalto a joalheria no centro de São Paulo

Ocorre na tarde desta terça-feira (15) um assalto com reféns a uma joalheria na Rua Barão de Paranapiacaba, nº 64, no centro de São Paulo. O local da tentativa de roubo é a loja João Justino Joias.

Três bandidos fazem reféns dentro do estabelecimento e outros dois já haviam sido presos pela polícia. Informações preliminares davam conta de que haveria até 20 pessoas dentro da loja, mas a polícia não confirma. Ao menos 80 pessoas foram mantidas reféns em um primeiro momento.

Várias viaturas da Polícia, do corpo de Bombeiros e do Samu foram ao local, a poucos metros da Praça da Sé. Não houve interferência no trânsito da região, uma vez que a via é predominantemente de pedestres.

O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais da Polícia Militar) se deslocou também até a Barão de Paranapiacaba e tenta fazer as negociações pela liberação dos reféns.

O grupo assaltante entrou no prédio por volta das 11h30.

A Barão de Paranapiacaba é conhecida como “Rua do Ouro” pela grande quantidade de comércios que oferecem jóias e alianças.

Com informações de Gabriel Medina e Tiago Muniz