Assessor de Merkel pede por unidade após partido perder eleições regionais

  • Por Estadão Conteúdo
  • 06/09/2016 12h03
Partido de Merkel é derrotado em pleito estadual - EFE

Um importante assessor da chanceler da Alemanha Angela Merkel pede unidade no bloco conservador da União Democrata-Cristã (CDU), em meio às recriminações após o partido ter perdido as eleições regionais. 

O CDU de Merkel ficou em terceiro lugar, atrás do partido nacionalista e anti-imigração Alternativa Para a Alemanha (AfD), em votação do último domingo, 4, no estado de Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental, reduto político de Merkel. 

O partido União social-cristã (CSU), que faz parte do bloco da chanceler, já vem criticando sua postura em relação à crise de imigração. O líder do CSU, Horst Seehofer, reclamou que “suas repetidas demandas por uma mudança de curso” não estavam sendo atendidas, fazendo-o pedir por uma “clarificação” das políticas de Merkel até outubro. 

O secretário-geral do CDU, Peter Tauber, disse que está focado nas eleições regionais que ocorrerão dia 18 de setembro em Berlim. “Nossos apoiadores e membros…esperam uma coisa acima de tudo: unidade”, declarou.