Ataque armado contra quartel no sul do Iêmen deixa 20 mortos

  • Por Agencia EFE
  • 24/03/2014 05h23

Sana, 24 mar (EFE).- Um ataque a um quartel na província de Hadramut por possíveis membros da Al Qaeda deixou pelo menos vinte soldados da Segurança Central, responsável por viagar as estradas, mortos nesta segunda-feira no Iêmen.

O ataque teve como alvo um quartel encarregado da proteção da estrada que liga as províncias de Hadramut e Al Mahra, na fronteira com Omã.

Uma fonte militar iemenita explicou à Agência Efe que os agressores surpreenderam os militares de madrugada, enquanto dormiam na base, próxima a cidade de Al Rida.

Os homens armados atiraram, lançaram bombas e incendiaram um veículo estacionado em um posto de controle próximo antes de fugir.

A Al Qaeda ataca com frequência membros do exército e as forças de segurança iemenitas em regiões remotas do sul do país, onde conta com a proteção de algumas tribos locais.

Os Estados Unidos consideram a organização da Al Qaeda na Península Arábica, com base no Iêmen, um dos braços mais perigosos e ativos da rede terrorista. EFE