Ataque da Al Shabab contra comboio militar deixa 9 mortos na Somália

  • Por Agencia EFE
  • 04/01/2015 13h47

Mogadíscio, 4 jan (EFE).- Pelo menos nove pessoas morreram neste domingo em um ataque com carro-bomba cometido pelo grupo Al Shabab contra um comboio de tropas governamentais nos arredores do aeroporto da capital da Somália, Mogadíscio, segundo verificou a Agência Efe no local.

Outras três pessoas ficaram feridas no ataque. A milícia fundamentalista -que em 2012 anunciou sua adesão formal à Al Qaeda- assassinou na sexta-feira oito pessoas e feriu outras sete em um ataque contra uma base militar em Baidoa, no centro da Somália.

Em uma ação similar a de hoje, a Al Shabab, que luta para instaurar um estado islâmico radical na Somália, matou no início do mês passado seis pessoas com um carro-bomba que atingiu um comboio das Nações Unidas e do governo, também nas imediações do aeroporto de Mogadíscio.

Os fundamentalistas prosseguem com sua longa campanha de terror, que nos últimos anos matou milhares de pessoas tanto na Somália como no Quênia, país no qual a organização cometeu vários atentados neste ano.

A Somália vive em um estado de guerra e caos desde 1991, quando foi deposto o ditador Mohammed Siad Barre, o que deixou o país sem um governo efetivo e em mãos de milícias radicais islâmicas, “senhores da guerra” e grupos de criminosos armados. EFE