Ataque no Afeganistão mata 5 Talibãs e um soldado da Otan

  • Por Agencia EFE
  • 20/01/2014 09h46

Cabul, 20 jan (EFE).- Um ataque contra uma base militar na província de Kandahar deixou cinco talibãs e um soldado da missão da Otan no Afeganistão (Isaf) mortos, informaram à Agência Efe fontes oficiais e da Aliança Atlântica.

O ataque à base militar da Isaf, situada no distrito de Zhri, começou com a detonação na entrada do local de um carro carregado de explosivos por parte de um suicida, e prosseguiu com a tentativa de outros quatro talibãs de invadir a instalação.

“Posso confirmar que morreram um soldado da Isaf e todos os insurgentes”, afirmou uma porta-voz da Otan, Latondra Kinley.

O porta-voz do governo provincial, Javid Faisal, informou que cinco insurgentes participaram da ofensiva e assegurou que todos morreram.

Os ataques suicidas e coordenados aumentaram sua frequência nas últimas semanas com atentados como o perpetrado na sexta-feira contra um restaurante frequentado por estrangeiros em Cabul, no qual 21 pessoas morreram.

Treze das vítimas eram estrangeiros, entre os quais se encontravam três membros da ONU -um russo, um americano e um paquistanês-, dois libaneses -um deles o representante do FMI no país, Wabel Abdullah-, dois americanos, dois britânicos, um malaio, uma dinamarquesa e dois canadenses.

Está em andamento no Afeganistão o processo de retirada das tropas internacionais, que deve terminar em dezembro se forem cumpridos os prazos previstos, processo que não freou a violência no país. EFE