Adolescente ameaça atacar nove escolas e é apreendido no DF

  • Por Jovem Pan
  • 22/03/2019 15h29
PixabayEm vídeo compartilhado por garoto pessoas usavam armas e ameaçavam atacar unidades de ensino

Um adolescente de 13 anos foi apreendido na noite de quinta-feira (21) após ameaçar cometer um massacre em escolas públicas de Samambaia, onde mora no Distrito Federal. Estariam na mira oito colégios da cidade e mais um em Taguatinga (DF).

De acordo com a Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos, o garoto publicou em rede social um vídeo com imagens de pessoas armadas. Na postagem, ele fez menção a um possível ataque a unidades de ensino da região em que vive.

A Secretaria de Educação visualizou a publicação e informou à polícia. Vários casos de ameaças do tipo estão sendo relatados no Distrito Federal desde o massacre que deixou 10 mortos em Suzano (SP), segundo o delegado Giancarlos Zueliane.

“A [ameaça] desse adolescente foi a mais grave, porque ameaçou, simultaneamente, nove colégios. Ele utiliza um vídeo com pessoas usando balaclavas [toucas que cobrem o rosto] e portando fuzis, dizendo que vão atacar uma instituição de ensino.”

Durante as buscas na casa do adolescente, nada foi encontrado. Apreendido pelo ato infracional análogo à ameaça, o jovem foi conduzido à Delegacia da Criança e do Adolescente de Ceilândia. Lá, ele foi interrogado por investigadores.

A Polícia Civil apura o suposto envolvimento de uma segunda pessoa, uma adolescente de 15 anos, na divulgação das ameaças. A suspeita é de que o garoto tenha usado o celular da jovem para compartilhar o vídeo nas redes sociais.

*Com informações da Agência Brasil