Anvisa divulga lista de agrotóxicos que serão reavaliados; confira

  • Por Jovem Pan
  • 26/08/2019 16h42
SÉRGIO CASTRO/ESTADÃO CONTEÚDO/AESerá a primeira vez que a análise será feita a partir de uma metodologia própria do órgão

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou nesta segunda-feira (26) uma lista de sete ingredientes ativos de agrotóxicos que passarão por uma reavaliação quanto à toxicidade para a saúde humana, em especial a consumidores e trabalhadores rurais. Entre eles, estão o risco de causar câncer, alterações no DNA, mutações, problemas reprodutivos e endócrinos.

Será a primeira vez que a análise será feita a partir de uma metodologia própria do órgão. “Pela primeira vez, a Anvisa cria um modelo para fazer a reavaliação de agrotóxicos. Todas as reavaliações até hoje foram feitas de acordo com outras regras e por demanda de órgãos como Ministério Público e do Judiciário”, disse o diretor Renato Porto. Para ele, o uso do modelo da Anvisa trará impactos positivos, como a redução da taxa de toxidade dos produtos e maior proteção para a saúde da população.

Confira aqui os ingredientes selecionados para reavaliação:

  • Carbendazim (Fungicida)
  • Tiofanato metílico (Fungicida)
  • Epoxiconazol (Fungicida)
  • Procimidona (Fungicida)
  • Clorpirifós (Inseticida, acaricida)
  • Linurom (Herbicida)
  • Clorotalonil (Fungicida)

Sobre as reavaliações

As reavaliações terão início com a publicação de edital de convocação das empresas com registro de agrotóxicos para apresentação dos dados de segurança atualizados. O tempo de análise de cada processo de reavaliação vai variar de acordo com o número e a complexidade dos estudos apresentados para cada produto.

O primeiro edital de início da reavaliação para a apresentação dos dados de segurança do Carbendazim (o primeiro da lista) deve ser publicado em dezembro, com prazo de até seis meses para a entrega dos estudos. O segundo edital, do Tiofanato Metílico, será publicado em janeiro. A partir daí as próximas reavaliações serão abertas à medida que as análises anteriores forem finalizadas.