Após demissão, Bolsonaro grava vídeo com elogios a Bebianno e fala em ‘questões mal entendidas’

  • Por Jovem Pan
  • 18/02/2019 19h45
Fátima Meira/Estadão ConteúdoAgora ex-ministro, Bebianno atuou a favor de Bolsonaro na campanha eleitoral

Momentos antes do anúncio oficial da demissão de Gustavo Bebianno, agora ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência, o presidente Jair Bolsonaro gravou uma mensagem em vídeo para ser divulgada em redes sociais e fez elogios ao colega de partido. O vídeo foi divulgado a jornalistas pelo Palácio do Planalto, mas não foi publicado nas redes sociais de Bolsonaro, como ele costuma fazer em relação a assuntos do governo.

“Como presidente da República comunico que, na data de hoje, tomei a decisão de exonerar o senhor ministro-chefe da Secretaria-Geral. Desejo ao senhor Gustavo Bebianno meus sinceros votos de sucesso em sua nova jornada”, disse, nesta segunda-feira (18).

Apesar do vídeo, o anúncio foi feito pelo porta-voz do governo, Otávio Santana do Rêgo Barros, que atribuiu a decisão a motivos de “foro íntimo” de Bolsonaro. No cargo, Bebianno será substituído pelo general da reserva Floriano Peixoto.

“Desde semana passada, pontos de vista sobre questões relevantes trouxeram necessidade de reavaliação”, afirmou o presidente. “Pode ter havido incompreensões e questões mal entendidas de parte a parte, não sendo adequado pré-julgamento de qualquer natureza.”

As “questões relevantes” a que Bolsonaro se refere podem ser as suspeitas de que o ex-ministro tenha autorizado repasse de R$ 400 mil em recursos públicos para candidata laranja do PSL, partido do presidente, durante o período em que comandou a sigla.

Com isso, Bebianno chegou a dizer que estava “tudo bem” e que tinha conversado “três vezes” em um dia com Bolsonaro, tendo sido desmentido por um dos filhos do presidente, Carlos, que publicou áudio com negativa em uma rede social, iniciando crise.

Nesta segunda, no vídeo, Jair Bolsonaro tentou não atacar o aliado. “Tenho que reconhecer a dedicação e comprometimento do senhor Bebianno a frente da coordenação da campanha eleitoral em 2018. Seu trabalho foi importante para o nosso êxito.”

“Agradeço ao Gustavo pelo esforço e empenho quando exerceu a direção nacional do PSL e continuo acreditando na sua seriedade e qualidade do seu trabalho. Reconheço também sua dedicação e esforço durante o período que esteve no governo”, afirmou.