Após reunião com chanceler, Bolsonaro anuncia visita à Polônia

  • Por Jovem Pan
  • 04/02/2020 16h34
ReproduçãoO anúncio foi feito após reunião entre o presidente brasileiro e o chanceler polonês, Jacek Czaputowicz, no Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro confirmou, nas redes sociais, que fará visita oficial à Polônia este ano. O anúncio foi feito após reunião entre o presidente brasileiro e o chanceler polonês, Jacek Czaputowicz, no Palácio do Planalto. Segundo um interlocutor do presidente, a ideia é que a viagem aconteça ainda no primeiro semestre de 2020.

Bolsonaro também deve aproveitar para visitar a Hungria. Os dois países, junto com a Itália, viraram expoentes de governos de direita na Europa. Em abril do ano passado, Bolsonaro afirmou que planejava fazer viagem ao Leste Europeu no segundo semestre de 2019. Por questões de agenda, ele não conseguiu viabilizar a visita.

Um dos filhos do presidente, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que também é presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, visitou a Hungria e a Itália em abril de 2019. Na ocasião, criticou a Venezuela e o regime socialista. O chanceler Ernesto Araújo fez um tour, em maio do ano passado, pela Itália, Hungria e Polônia com o intuito de estreitar os laços e ampliar negócios, principalmente na área de defesa. Além disso, Ernesto preparou terreno para a posterior visita de Bolsonaro.

* Com informações do Estadão Conteúdo