Autoridades israelenses pedem apoio a Cunha para manter país na Fifa

  • Por Agência Câmara Notícias
  • 05/06/2015 07h53

Eduardo Cunha reuniu-se com o primeiro-ministro de IsraelEduardo Cunha e Benjamin Netanyahu

Nesta quinta-feira (05), o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, ouviu de diversas autoridades israelenses o pedido de apoio do Brasil para manter Israel entre os associados da Federação Internacional de Futebol (Fifa).

Durante missão oficial em Israel, Cunha reuniu-se com o primeiro-ministro do país, Benjamin Netanyahu, e com o presidente do Congresso israelense (Knesset), Yuli-Yoel Edelstein, e ambos cobraram o apoio brasileiro contra a iniciativa palestina de pedir sanções ao país judeu pela suposta violação contra atletas palestinos na Faixa de Gaza e na Cisjordânia.

A delegação palestina chegou a apresentar moção que pedia a expulsão de Israel durante o congresso da Fifa, realizado na semana passada, mas retirou o pedido por falta de apoio. Foi aprovada, no entanto, a cobrança da criação de mecanismo que permita examinar eventuais violações cometidas pelos israelenses. “Sempre defenderemos o diálogo como o principal instrumento de negociações, e o esporte como elemento de união entre os povos, jamais de separação. Estão levando problemas políticos ao esporte, o que fere os ideais olímpicos”, declarou Cunha a Netanyahu, que reiterou a opinião do brasileiro.