Bolsonaro agradece Trump e diz que Senado vai aprovar indicação do filho à embaixada

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2019 20h24
Reprodução/TwitterItamaraty já enviou nome de Eduardo para a embaixada nos EUA

O presidente Jair Bolsonaro agradeceu, nesta terça-feira (30), os elogios do presidente dos Estados UnidosDonald Trump, à indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro para o cargo de embaixador do Brasil em Washington. Bolsonaro disse que “ele tem certeza que o Senado vai aprovar”.

“Demonstra a confiança que ele tem no governo e no meu filho que é amigo dos familiares dele. Se o senado aprovar a ida dele para lá nossos laços serão fortalecidos”, disse. “O Senado vai decidir, mas tenho certeza que o Senado vai aprovar”, completou.

Trump afirmou, mais cedo, que conhece Eduardo e que acha ele “excelente, brilhante, um jovem maravilhoso”. Sobre isso, Bolsonaro contou que eles se conheceram quando o presidente esteve pela primeira vez nos Estados Unidos. “Entrei em uma reunião e ele [Trump] mandou o ajudante chamar o Eduardo para participar”, esclareceu.

Itamaraty enviou nome de Eduardo para a embaixada nos EUA

O Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, anunciou nesta sexta-feira (26) que o Itamaraty enviou aos Estados Unidos a sugestão de que o deputado  assuma a embaixada brasileira no país. Indicado por Jair Bolsonaro ao cargo, Eduardo tem recebido críticas de que a nomeação seria um exemplo de nepotismo na administração pública, o que o presidente rebate.

“É filho meu, lógico que pretendo beneficiar filho meu, sim […], mas a questão é realmente aprofundarmos nosso relacionamento com um país que é uma boa potência econômica”, disse Bolsonaro no último dia 18, durante uma das transmissões ao vivo que costuma fazer.

Nas próximas semanas, a indicação será submetida ao Senado, que fará uma sabatina com Eduardo para testar a aptidão do deputado ao cargo. Nas últimas eleições, o parlamentar se tornou o mais votado na história do Brasil, com 1.843.735 votos.