Brasil registra mais 407 mortes por coronavírus e chega a 3.313 óbitos

  • Por Jovem Pan
  • 23/04/2020 17h23 - Atualizado em 24/04/2020 07h47
EFE/Nathalia AguilarO Brasil teve mais 407 mortes e 3.735 casos de coronavírus

O Brasil registrou mais 407 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas e agora tem 3.313 óbitos provocados pela doença, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira (23). Este foi o dia com mais mortes desde o início da pandemia.

De ontem para hoje, o país teve mais 3.735 diagnósticos de coronavírus. O total de casos chegou a 49.492, e a taxa de letalidade passou para 6,7%.

A alta nos números foi puxada por São Paulo, que agora tem 16.740 casos e 1.345 mortes. O estado segue na liderança nacional da incidência de coronavírus.

Outros estados que estão em situação delicada são o Rio de Janeiro (6.172 casos e 530 mortes), Ceará (4.598 casos e 266 mortes) e Pernambuco (3.519 casos e 312 mortes).

O estado com a maior taxa de letalidade, no entanto, é a Paraíba, onde 11,6% dos infectados morreram (são 345 e 40 mortes). Roraima apresenta a menor letalidade, 1% – 297 diagnósticos e 3 óbitos.

Ministro da Saúde

Em entrevista coletiva nesta tarde, o ministro da Saúde, Nelson Teich, afirmou que ainda não é possível saber a origem desse aumento expressivo no número de mortos nas últimas 24 horas. “A gente ainda não sabe se isso [aumento de mortes] representa esforço de diagnóstico ou tendência de aumento”, disse.

Sobre a possibilidade de prever se haverá aumento ou não no número de vítimas da Covid-19 durante os próximos dias, Teich destacou que é necessário acompanhar a situação da doença diariamente para fazer projeções.

“Temos que acompanhar dia a dia. Se for linha de tendência, os números dos próximos dias vão aumentar cada vez mais, aí saberemos que não é esforço pontual e sim tendência. É preciso ver os próximos dois dias para ter uma ideia do que de fato esta acontecendo e tomar as decisões necessárias”, ressaltou.