Brasileiro com coronavírus recebeu cerca de 30 familiares no domingo

  • Por Jovem Pan
  • 26/02/2020 13h31
EFEAlém deles, 16 passageiros do mesmo voo do paciente devem ser monitorados nos próximos 14 dias

O homem de 61 anos que teve o diagnóstico do novo coronavírus confirmado nessa quarta-feira (26) recebeu pelo menos 30 familiares no último domingo (23). A informação foi confirmada pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em coletiva.

Ele recebeu as visitas após retornar de uma viagem a Lombardia, na Itália, no último dia 21. Até então ele não tinha manifestado os sintomas da doença. Agora, após o diagnóstico confirmado, ele está em isolamento domiciliar.

No entanto, nesta quarta, dois netos do paciente já manifestaram alguns sintomas como febre e tosse seca. Uma criança de aproximadamente oito anos e um bebê de nove meses se encontraram com o avô antes da confirmação da doença e irão passar por exames — um deles já é a contraprova. Eles estão em casa, na zona sul de São Paulo.

Os 30 familiares estão sob observação. Além deles, 16 passageiros do mesmo voo do paciente devem ser monitorados nos próximos 14 dias. Como a viagem fez escala em Paris, na França, alguns podem ter ido para outros destinos após fazer conexão.

O Brasil ainda tem mais 20 casos suspeitos: um na Paraíba, um em Pernambuco, um no Espírito Santo, dois em Minas Gerais, dois no Rio de Janeiro, dois em Santa Catarina e onze em São Paulo. Outros 59 casos suspeitos já foram descartados.