Bruno Covas troca secretário da Casa Civil e libera vereador para concorrer à presidência da Câmara de SP

  • Por Jovem Pan
  • 21/11/2018 17h59
Reprodução/InstagramPrefeito liberou vereador Eduardo Tuma para concorrer à presidência do Legislativo municipal

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, vai nomear na próxima segunda-feira (26) um novo secretário para a Casa Civil. Atual líder do governo na Câmara, o vereador João Jorge (PSDB) deve ocupar o cargo, no lugar do tucano Eduardo Tuma, que voltará ao legislativo.

Tuma é cotado para assumir a presidência da Casa no ano que vem. Ele começou a atuar na articulação política da prefeitura após a gestão sofrer derrota, em março, ao não conseguir aprovar a reforma da previdência dos servidores da cidade.

Se confirmada a candidatura do vereador à chefia da Câmara, ela terá o apoio do atual presidente, Milton Leite (DEM), que não poderá mais se reeleger ao cargo. Leite apontou na semana passada que Tuma já teria 42 dos 55 votos necessários para a eleição.

“Essa é a razão da volta dele [Tuma, para o legislativo]”, disse João Jorge, que assume o cargo também na segunda. “Ele volta para se preparar para a eleição da nova Mesa Diretora, que está marcada para o dia 15 [de dezembro].”

“Ainda vou conversar com o prefeito para definir as prioridades, mas a previdência municipal certamente é uma delas”, disse o novo secretário. Bruno Covas iniciou uma reformulação no primeiro escalão da prefeitura após a eleição de João Doria para o governo estadual.

*Com informações do Estadão Conteúdo