Bruno Covas vai decretar situação de emergência em bairros atingidos por temporais em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 12/03/2019 15h37
WERTHER SANTANA/ESTADÃO CONTEÚDOPrefeito voltou de Berlim, reassumiu o cargo e fez anúncio à imprensa

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, disse nesta terça-feira (12) que vai decretar situação de emergência em algumas regiões da cidade. Os bairros abrangidos, especialmente Ipiranga e Vila Prudente, foram os que mais sofreram com as fortes chuvas registradas entre o fim de domingo (10) e a madrugada de segunda (11). Duas pessoas morreram.

“Vamos decretar situação de emergência de algumas áreas para que as pessoas possam conseguir sacar o FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Serviço]. Estamos ainda montando este mapa e delimitando as áreas afetadas”, afirmou o tucano, que estava em licença por motivos pessoas e acabou retornando. “Eu estava em Berlim.”

Moradores das áreas mais atingidas pelo temporão também poderão solicitar isenção do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). Isso poderá ser feito na sede das subprefeituras. Em toda a Grande São Paulo, houve 13 mortes por causa das chuvas. Contudo, na capital, foram duas: uma criança e um adulto.