Câmara aprova urgência para mudança no CTB e projeto sobre violência doméstica

Proposta altera o Código de Trânsito Brasileiro e aumenta para 40 o número mínimo de pontos necessários para gerar a perda da CNH

  • Por Jovem Pan
  • 03/06/2020 16h33
Michel Jesus/Câmara dos DeputadosOutros dois textos devem ter a urgência votada ainda na sessão de hoje

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (3) urgência a duas propostas, a que altera o Código de Trânsito Brasileiro e aumenta de 20 para 40 o número mínimo de pontos necessários para gerar a perda da carteira de habilitação; e um projeto de lei que estabelece medidas emergenciais para a proteção de mulheres em situação de violência durante a pandemia de Covid-19.

Outros dois textos devem ter a urgência votada ainda na sessão de hoje. O primeiro estabelece uma estratégia nacional para o retorno às aulas durante a pandemia.

Pelo texto, União, estados e municípios devem organizar colaborativamente o retorno às atividades escolares, interrompidas com o Decreto Legislativo 6/20, que reconheceu a calamidade pública por causa do novo coronavírus. A estratégia será definida por princípios, diretrizes e protocolos, respeitadas as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das autoridades sanitárias brasileiras.

Deputados discutiram inclusive a possibilidade de criação de uma comissão externa para avaliar a retomada das aulas. “Podemos aprovar a proposta e propor um grupo pequeno para que em uma semana haja uma resposta”, disse o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

Outra proposta (PL 2013/20) cuja urgência pode ser votada prevê a saída imediata do agressor da residência em caso de violência doméstica.

* Com informações da Agência Câmara