Chuva causa transtornos em SP; mulher que tentou resgatar cão em rio está desaparecida

  • Por Jovem Pan
  • 12/03/2019 20h47
TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO CONTEÚDOChuvas causaram problemas na circulação de trens

A forte chuva que voltou a cair sobre a cidade de São Paulo na tarde desta terça-feira (12) derrubou árvores, causou alagamentos e o transbordamento de córregos. As zonas norte e leste foram as mais afetadas. Também choveu em cidades da região metropolitana, como Guarulhos e Ferraz de Vasconcelos. Uma mulher está desparecida após ser levada pela correnteza, na zona leste.

No dia anterior (11), o temporal deixou pelo menos 13 mortos na cidade e na Grande São Paulo. No fim da tarde desta terça, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura colocou parte da cidade em estado de atenção para alagamentos. Às 18h20, o estado de atenção se referia a algumas subprefeituras da zona leste, à zonas norte e oeste, à Marginal do Tietê e ao centro da cidade. Às 18h50, o alerta foi encerrado.

Na zona norte, o Córrego Paciência, no Tremembé, transbordou no fim da tarde, alagando a Avenida Edu Chaves. Também houve o transbordamento do Córrego Mandaqui, na Casa Verde, na altura da Avenida Engenheiro Caetano Álvares com a Rua Zilda, à noite. Segundo a Defesa Civil, havia risco de queda de granizo. O órgão orientou moradores a buscar abrigos e evitar áreas abertas. As chuvas foram formadas por calor aliado a alta umidade.

Vítimas

Na Rua Valentim Lemos, no Lajeado, zona leste da capital, uma mulher de aparentemente 35 anos tentava tirar o cachorro do rio quando caiu e foi levada pela correnteza. Os bombeiros faziam buscas nas margens, mas a vítima não havia sido localizada até as 19 horas.

Na zona norte, uma árvore caiu sobre um veículo com um ocupante na esquina da Avenida Nova Cantareira com a Leôncio de Magalhães, no Tucuruvi. Não há informações sobre o estado de saúde da vítima.

Segundo o Corpo de Bombeiros, de meia-noite até as 18h40 desta terça-feira, foram recebidos 62 relatos de quedas de árvores, 31 de alagamentos e 10 de desabamentos e desmoronamentos na capital e Grande São Paulo.

Transtornos

Por causa da chuva, a linha 13-Jade da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) operava no início da noite desta terça com velocidade reduzida entre as estações Engenheiro Goulart e Aeroporto de Guarulhos. Já o Metrô tinha funcionamento normal.

O índice de congestionamento estava dentro da média para o horário na capital paulista. Às 19h30, 8,8% das vias monitoradas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) apresentavam lentidão. A média superior para o horário é de 8,9%. A zona norte da cidade era a que apresentava mais quilômetros de congestionamento às 19h30.

*Com informações do Estadão Conteúdo