Com R$ 4 milhões em dívidas, PT diz que vai ‘ajustar as contas’

  • Por Jovem Pan
  • 13/12/2018 15h46
Dida Sampaio/Estadão ConteúdoPresidente do PT suspendeu viagens de membros do partido até janeiro

O PT anunciou que, com a campanha eleitoral, “esgotaram-se” as reservas financeiras da legenda, que soma uma dívida R$ 4 milhões. Em comunicado, a sigla disse que vai ajustar as contas e adotar regras de controle interno e externo.

A presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hoffman, e o tesoureiro Emidio de Souza informaram que viagens e hospedagens de dirigentes e funcionários estão suspensas até janeiro do ano que vem.

Além disso, os líderes petistas pretender rever a folha de pagamento de funcionários, reduzir contratos e diminuir aluguéis. Para amenizar as dívidas de campanha, a sigla pretende fazer uma arrecadação coletiva na internet

*Com informações do Estadão Conteúdo