‘Conseguimos estabelecer conexão entre Executivo e Legislativo’, diz Temer em SP

  • Por Estadão Conteúdo
  • 04/07/2016 10h21
Brasília - O Presidente interino Michel Temer faz pronunciamento no Palácio do Planalto ( Marcelo Camargo/Agência Brasil)Michel Temer Fotos Públicas - AGBR - caretas

O Presidente em exercício Michel Temer voltou a afirmar, na manhã desta segunda-feira (4), durante cerimônia de abertura do Global Agribusiness Forum 2016 (GAF 16), em São Paulo, que “apanhou o Brasil em um momento difícil”.

“Os senhores sabem as dificuldades que estamos enfrentando”, disse a uma plateia formada por diversos representantes do agronegócio brasileiro e de outros 40 países, “em 47 dias de governo já fizemos muita coisa. Conseguimos fazer a conexão entre o Legislativo e o Executivo”, afirmou.

Temer agradeceu o manifesto de apoio a seu governo, que recebeu minutos antes de seu discurso. O manifesto é assinado por 46 entidades e destaca o ministério formado pelo peemedebista.

O presidente em exercício ponderou ainda que “constituímos o governo em poucos dias, montamos uma equipe econômica que há muito tempo não se via e escolhemos um ministro da Agricultura (Blairo Maggi) aplaudido pelo setor. Precisamos fazer a pacificação nacional, religar todos os brasileiros”.

O chefe do Executivo também aproveitou a ocasião para frisar que tem “maioria extraordinária na Câmara (dos Deputados)”, lembrando a aprovação da Desvinculação das Receitas da União (DRU) e da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos Gastos Públicos, “elaborada com lideranças do Congresso”.

Ainda a respeito dos gastos públicos, o político comentou que seu governo “deu respiro fundamental para os Estados”, pois este “estão em dificuldades e nós conseguimos fazer reprogramação do acordo da dívida”, referiu, acrescentando que pede, “em contrapartida”, que as unidades federativas também limitem suas despesas.