Cortes bilionários nas contas do governo serão divulgados na data limite

  • Por Jovem Pan
  • 21/05/2015 13h58

Ministro da Fazenda Joaquim Levy e presidente Dilma Rousseff se cumprimentam durante lançamento do programa Bem Mais Simples

Ministro da Fazenda Joaquim Levy e presidente Dilma Rousseff se cumprimentam durante lançamento do programa Bem Mais Simples

Os cortes no orçamento da União serão divulgados no último dia que o Governo tem para fazer isso, nesta sexta (22).

Esperava-se que o contigenciamento fosse anunciado hoje, mas o ministro da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva, disse que a redução dos gastos federais vai ser publicada no Diário Oficial da União apenas amanhã, quando ocorrerá também uma entrevista coletiva do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para explicar as cifras a menos.

O valor cortado deve circular em torno de R$ 70 bilhões a R$ 80 bilhões, segundo o próprio ministro da Fazenda, Joaquim Levy, anunciou nesta segunda (18).O contigenciamento é parte do plano do governo de diminuir os gastos do governo e aumentar a arrecadação, o chamado ajuste fiscal.

O ano começa em maio

Sexta será o último dia para a publicação do corte serão completados 30 dias da sanção da presidente, feita no final de abril, à proposta aprovada pelo Congresso em 17 de março.

À época, o Orçamento Geral da União para 2015 já estava com cinco meses de atraso, uma vez que normalmente ele é aprovado no Congresso no fim do ano anterior e sancionado nos últimos dias de dezembro. Assim como a divulgação, a sanção foi feita no último dia permitido.

O texto aprovado pelo Congresso aumentou o Fundo Partidário, dinheiro público destinado às siglas, em 300%, de R$ 289 milhões para R$ 857 milhões.

Com informação da Agência Brasil