Deputado condenado pela Lava Jato morre de Covid-19

Nelson Meurer foi ex-prefeito de Francisco Beltrão, no Paraná, onde estava preso desde outubro de 2019

  • 12/07/2020 14h09 - Atualizado em 13/07/2020 08h16
Laycer Tomaz / Câmara dos DeputadosO ex-deputado federal Nelson Meurer morreu neste domingo (12)

O ex-deputado federal Nelson Meurer (PP-PR) morreu neste domingo (12), aos 77 anos, vítima da Covid-19. O parlamentar foi o primeiro condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da operação Lava Jato, em 2018, e estava preso desde outubro do ano passado. Meurer estava internado desde terça-feira (7) na cidade de Francisco Beltrão, no Paraná, onde cumpria a pena de 13 anos e nove meses. Ele era cardiopata, diabético e hipertenso.

Ex-prefeito de Francisco Beltrão, entre 1989 e 1993, Nelson Meurer teve seis mandatos de deputado federal e também foi presidente da Cooperativa de Eletrificação Rural e do Sindicato Rural de Francisco Beltrão. Ele deixou a Câmara em 2018. O congressista foi denunciado pela Lava Jato por receber R$ 29,7 milhões em propina. O dinheiro foi repassado por Alberto Youssef.

A defesa de Meurer fez vários pedidos ao STF para que o político cumprisse prisão domiciliar por causa da idade avançada e dos problemas de saúde. A Corte, no entanto, negou todos. Nas redes sociais, a prefeitura de Francisco Beltrão lamentou a morte do ex-prefeito. “Além de reconhecer o seu trabalho em prol de Francisco Beltrão, deseja força para a família. O prefeito Cleber Fontana decretou luto oficial no município”, diz o texto.