Detentos fogem de presídio no litoral de São Paulo

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou, por meio de nota, que o local não tinha vigilância armada por se tratar de uma unidade de regime semiaberto

  • Por Jovem Pan
  • 16/03/2020 20h02 - Atualizado em 16/03/2020 21h37
ReproduçãoDetentos do regime semiaberto de CPP em Mongaguá fogem

Presos do regime semiaberto fugiram no início da noite desta segunda-feira (16) do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) Dr. Rubens Aleixo Sendin, em Mongaguá, no litoral de São Paulo.

De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), não há vigilância armada no local por se tratar de unidade de regime semiaberto.

“Informamos que as unidades de regime semiaberto, por determinação da legislação brasileira, não possuem vigilância armada”, diz a SAP em nota.

A secretaria ainda esclarece que está “tomando as devidas providências para sanar o problema”.

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram um grande número de detentos correndo em direção ao portão principal do CPP.

  • Tags: