Doria alfineta Bolsonaro: ‘Em SP, respeitamos o Legislativo’

  • Por Nicole Fusco
  • 27/02/2020 12h07 - Atualizado em 27/02/2020 13h34
Governo do Estado de São PauloDoria alfinetou Bolsonaro durante evento

O governador João Doria (PSDB) afirmou nesta quinta-feira (27) que, em São Paulo, “não agredimos o Legislativo”. “Respeitamos o Legislativo, assim como o Judiciário”, disse ele.

A declaração foi feita dois dias depois da publicação de uma reportagem informando que presidente Jair Bolsonaro enviou por meio de aplicativo de mensagens dois vídeos de convocação para protestos do dia 15 de março — a favor do governo e contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal.

“Se há alguma insatisfação (com o Legislativo), isso se corrige pelo voto e não por atos de confrontos”, afirmou o tucano.

Doria participou de um evento no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, no qual foi anunciado o repasse de R$ 128 milhões para 262 municípios do Estado de São Paulo. Os repasses foram feitos diretamente aos fundos municipais, que são responsáveis por executar os serviços de proteção social às crianças, jovens, idosos e pessoas com deficiência em situação de vulnerabilidade e risco social.

Além disso, serão autorizados R$ 26 milhões para 66 comunidades terapêuticas do Programa Recomeço: Uma Vida Sem Drogas, que tem como objetivo combater o uso excessivo de drogas e álcool.