Doria deve anunciar Henrique Meirelles como secretário da Fazenda de SP nesta terça-feira

  • Por Victor Moraes
  • 10/12/2018 15h22
Geraldo Bubniak/Estadão Conteúdo"O convite do governador me deixou honrado", disse Meirelles

Henrique Meirelles, candidato derrotado nas eleições presidenciais deste ano pelo MDB, deve ser anunciado na terça-feira (11) como secretário da Fazenda de São Paulo no governo de João Doria (PSDB). A informação foi confirmada por ele à Jovem Pan.

“O convite do governador me deixou honrado. Estamos discutindo o assunto, quais são as ideias e quais são as oportunidades para o estado. E planejamos chegar a uma definição amanhã. Amanhã devemos definir e, definindo, vamos anunciar”, disse Meirelles nesta segunda (10) após participar de um evento de comemoração dos 30 anos da Associação Brasileira de Bancos Internacionais (ABBI) na capital paulista.

Questionado sobre a possibilidade de ser o sexto ex-ministro no secretariado, elogiou a formação da equipe. “Ele [Doria] ter cinco ministros como futuros secretários mostra uma estrutura de governo forte, um estado forte e de fato planos importantes – o que é relevante e adequado. São Paulo é responsável por 40% da produção nacional e merece uma administração pública de nível nacional. O que ele está fazendo vai na direção certa e é importante para o estado e para o País”, completou.

Henrique Meirelles atuou como presidente do Banco Central entre 2003 e 2010 e como ministro da Fazenda entre 2016 e 2018.

Ex-ministros na equipe de Doria

Na última quinta (6), Doria anunciou Vinicius Lummertz como secretário do Turismo. Com ele, a equipe passou a ter cinco ministros do atual presidente Michel Temer. Antes, já estavam confirmados o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, para a Secretaria dos Transportes Metropolitanos; o atual ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, para a Casa Civil; Sérgio Sá Leitão (Cultura) para a Secretaria da Cultura; e Rossieli Soares (Educação) para a mesma pasta.