“É meu pai, óbvio que vou defender”, afirma filha de ex-ministro Guido Mantega

  • Por Jovem Pan
  • 22/09/2016 13h12

Marina Mantega recebeu a notícia da prisão do pai por telefone

Marina Mantega recebeu a notícia da prisão do pai por telefone

A notícia da prisão do ex-ministro Guido Mantega, na Operação Arquivo X da Lava Jato, pegou de surpresa sua filha, Marina Mantega. A decisão de Moro de soltar seu pai aconteceu durante o programa Pânico desta quinta-feira (22). Ao vivo, a apresentadora falou que ficou sabendo por telefone.

Mantega foi detido ao acompanhar sua esposa, Eliane Berger, ao hospital Albert Einstein, em São Paulo. Marina contou que não sabia que a madrasta estava hospitalizada, mas que descobriu após ligar para casa. “Não tinha a menor ideia e ninguém tinha me avisado”, explicou.

Apenas o irmão de Marina, de 15 anos, estava na residência. No momento em que a polícia chegou, no entanto, ele já havia ido para a escola e a empregada que avisou Guido.

Sobre a investigação, Marina foi categórica: “ele não deve nada”. Mesmo assim, ela completou: “é meu pai, óbvio que vou defender”.

A apresentadora, no entanto, deixou claro que não intefere com as decisões do pai, com quem não mora desde que tinha 22 anos de idade. “Ele tem a vida dele, eu tenho a minha”, completou.