Em reunião, Onyx recebe pautas das manifestações do próximo domingo

  • Por Jovem Pan
  • 21/08/2019 12h16
Dida Sampaio/Estadão ConteúdoMovimentos pedem apoio do ministro aos atos programados

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, receberá as lideranças de grupos como Aliança Brasil, Avança Brasil, Brasil nas Ruas, Vem pra Rua e Organização Nacional dos Movimentos (ONM) para discutir as pautas que serão defendidas na manifestação marcada para acontecer no próximo domingo (25).

Em uma carta endereçada ao ministro, os movimentos afirmam pedem pelo apoio de Onyx aos atos “em prol de um país mais juto e melhor para todos, e não apenas para alguns”. Eles também dizem ter duas pautas principais programadas: defender que o procurador Deltan Dallagnol seja o próximo Procurador-Geral da República (PGR), no lugar de Raquel Dodge, que deixará o cargo em setembro, e pedir pelo veto integral do presidente Jair Bolsonaro (PSL) sobre o projeto de abuso de autoridade, aprovado em votação simbólica pela Câmara dos Deputados.

Sobre a nomeação de Deltan, os grupos pontuam que ele esteve “comprometido durante anos de luta contra a corrupção e a impunidade”, citando o apoio à campanha “Dez medidas contra a corrupção”, que pede por mudanças para aprimorar a prevenção e o combate à corrupção. Já sobre a lei de abuso de autoridade, a carta pontua que o projeto foi “votado na madrugada, secretamente” e de forma orquestrada contra os avanços da Justiça.

A nota diz, ainda, que o texto foi votado com urgência sem necessidade, e que projetos mais importantes, como o fim do foro privilegiado e o pacote anticorrupção estão sendo postergados.