Edmar Santos, ex-secretário de Saúde do RJ, é preso

Edmar Santos é acusado de improbidade administrativa nas compras para a pandemia do coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 10/07/2020 07h35 - Atualizado em 10/07/2020 09h28
Reprodução/TV GloboEdmar Santos estava em residência da região serrana do RJ com a família

Edmar Santos, ex-secretário da Saúde do Rio de Janeiro, foi preso nesta sexta-feira (10), em Botafogo, bairro em que ele tem uma residência. Em um primeiro momento, foi noticiado que ele estaria em Itaipava, cidade serrana, mas lá só foram cumpridos mandados de busca. O tenente-coronel da reserva foi o primeiro secretário do estado durante a pandemia do novo coronavírus. Foi ele quem idealizou os projetos de combate à Covid-19, boa parte deles que acabou naufragando e apresentando suspeita de fraudes, como na compra de respiradores.

 

Ainda hoje, o governador Wilson Witzel prestará depoimento justamente no inquérito que investiga supostas irregularidades nas compras da Saúde durante a pandemia.

Edmar Santos já estava com bens bloqueados e teve quebra de sigilo bancário desde a semana passada. Santos e mais sete pessoas são acusados pelo MP de improbidade administrativa.