FBI procura no Brasil suspeito de integrar organização terrorista Al-Qaeda

Egípcio teria estado, supostamente, envolvido no planejamento de ataques contra os Estados Unidos

  • Por Jovem Pan
  • 12/08/2019 20h46
ReproduçãoO FBI alerta que ele "deve ser considerado armado e perigoso"

O FBI informou, nesta segunda-feira (12), que busca no Brasil o egípcio Mohamed Ahmed Elsayed Ahmed Ibrahim, que teria participado da organização terrorista Al-Qaeda como “agente e facilitador”. Segundo o comunicado, ele é “procurado por sua conexão com a Al Qaeda desde, aproximadamente, 2013”.

Ibrahim esteve, supostamente, envolvido no planejamento de ataques contra os Estados Unidos, além de ter providenciado material para a organização terrorista.

O FBI alerta que ele “deve ser considerado armado e perigoso” e pede que qualquer informação sobre o homem seja repassada ao escritório do órgão ou da embaixada ou consulado dos EUA mais próximo.

Em nota, os ministros da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirmaram que Ibahim ingressou no Brasil em 2018 e obteve a autorização de residência, encontrando-se em condição migratória regular. “O governo brasileiro está aberto a cooperar com as autoridades norte-americanas no que for solicitado, nos termos de nossa legislação, e está acompanhando o caso”.