Haddad será articulador da oposição ao novo governo, afirma Gleisi

  • Por Jovem Pan
  • 30/10/2018 18h59
Reprodução/TwitterA Comissão Executiva Nacional do PT se reuniu em São Paulo nesta terça

Presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann disse nesta terça-feira (30) que o ex-candidato à presidência Fernando Haddad será o articulador de uma frente de oposição ao governo do vencedor das eleições, Jair Bolsonaro (PSL). A atuação terá parceria com lideranças sindicais e outros partidos.

“O Fernando Haddad, no nosso entender, tem um papel muito relevante nesse processo, um papel maior do que o PT, porque ele sai depositário da esperança do povo e da luta pela democracia de diversos setores da sociedade”, afirmou após reunião do diretório do partido, a primeira após o segundo turno de domingo (28).

“O PT dará todas as condições para que Fernando Haddad possa exercer esse papel de articulador para consolidar essa frente de resistência”, acrescentou. Na segunda (29), o PCdoB começou a formar um bloco na Câmara sem o PT, tentando se unir ao PSB e ao PDT de Ciro Gomes. Orlando Silva chegou a falar em “hegemonismo”.

Previdência

Além da articulação da oposição, Gleisi afirmou que o Partido dos Trabalhadores vai liderar o movimento contra a reforma da Previdência este ano. Bolsonaro já avisou que vai viajar a Brasília nos próximos dias para tentar agilizar a discussão sobre o tema. De acordo com a senadora, a primeira resistência será às ações conjuntas de Temer e Bolsonaro.

*Com informações da Agência Brasil