FHC consola Lula em encontro após morte cerebral de Marisa Letícia

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2017 17h26
FHC consola Lula em encontro no hospital Sírio Libanês

Lula recebeu o apoio do também ex-presidente Fernando Henrique Cardoso nesta quinta-feira (2), poucas horas depois da notícia de que a a mulher do petista, Marisa Letícia, teve morte cerebral dias após ter sofrido um AVC.

Acompanhado do ex-ministro José Gregori, FHC fez questão de prestar suas condolências a Lula. O apoio do tucano foi lembrado na página oficial do Facebook de Lula. Em homenagem à esposa, o ex-presidente também trocou sua foto de perfil, para uma em que aparece ao lado de Marisa Letícia.

Em 2008, quando Fernando Henrique perdeu a esposa, Ruth Cardoso, Lula esteve presente no velório e ofereceu um ombro amigo ao tucano, que agora retribui o abraço caloroso em uma época difícil.

FHC consola Lula nesta tarde e, à direita, Lula dá apoio a FHC em 2008

No último boletim divulgado na manhã desta quinta-feira (2), o Hospital Sírio Libanês confirmou a ausência de fluxo cerebral, ou seja, foi confirmada a morte cerebral. A família autorizou os procedimentos preparativos para a doação dos órgãos de Marisa.

Na terça-feira (31), os médicos chegaram a retirar os sedativos que mantinham a ex-primeira-dama em coma induzido, mas ela não teria reagido bem e voltou a ser sedada.

Marisa Letícia Lula da Silva estava internada no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, desde o dia 24 de janeiro, quando sofreu um AVC, mas seu quadro se agravou nesta quarta-feira (1º).

Além do seu filho no primeiro casamento, Marcos, Marisa deixa seus três filhos Fábio, Sandro e Luís Cláudio, sua enteada Lurian, e o ex-presidente Lula, com o qual foi casada por 43 anos.