Fux suspende autorização para Lula dar entrevista da prisão

  • Por Jovem Pan
  • 29/09/2018 10h24
Nelson Jr./SCO/STFDecisão de Fux vale até o julgamento do caso pelo plenário da Suprema Corte,

O ministro Luiz Fux, vice-presidente do Supremo Tribunal Federal, decidiu suspender a autorização dada por Ricardo Lewandowski para que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desse entrevistas à imprensa mesmo preso na superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

“Defiro a liminar para suspender (…) os efeitos da decisão proferida até que o colegiado aprecie a matéria de forma definitiva. Por conseguinte, determino que o requerido Luiz Inácio Lula da Silva se abstenha de realizar entrevista ou declaração a qualquer meio de comunicação, seja a imprensa ou outro veículo destinado à transmissão de informação para o público em geral”, determinou Fux nesta sexta-feira (28).

“Determino, ainda, caso qualquer entrevista já tenha sido realizada por parte do aludido requerido, a proibição da divulgação do seu conteúdo por qualquer forma, sob pena da configuração de crime de desobediência”, completou.

A decisão, então, vale até o julgamento do caso pelo plenário da Suprema Corte, cuja data ainda não definida.

Lula está preso na superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba, após ser condenado a 12 anos de um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá.

*Com informações do Estadão Conteúdo