Governo autoriza 1047 novas nomeações na Polícia Federal

  • Por Jovem Pan
  • 24/05/2019 09h36 - Atualizado em 24/05/2019 09h37
Arquivo/Agência BrasilDecreto foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) e inclui cargos de delegados, peritos, agentes, escrivãs e papiloscopistas

O presidente Jair Bolsonaro autorizou, nesta sexta (24), a nomeação de 1047 candidatos aprovados através de concurso para a Polícia Federal. A medida foi feita através de decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) e inclui cargos de delegados, peritos, agentes, escrivãs e papiloscopistas.

A nomeação dos servidores foi justificada pela presidência como uma medida para combater o crime organizado e a corrupção no país. O anúncio já havia sido feito em abril pelo Planalto, na comemoração dos 100 dias de governo.

A alocação dos funcionários nos cargos ficará condicionada à existência de vagas e à adequação orçamentária e financeira da novas despesas com a Lei Orçamentária Anual.

As condições para a nomeação dos candidatos serão verificadas pelo diretor-geral da Polícia Federal. “As despesas resultantes da aplicação do disposto neste decreto correrão à conta das dotações orçamentárias consignadas à Polícia Federal do Ministério da Justiça e Segurança Pública”, cita o decreto.

Estadão Conteúdo