Governo divulga novo calendário de pagamentos do auxílio emergencial

Ao todo, mais de 1,79 milhão de beneficiários serão contemplados com os novos pagamentos

  • Por Jovem Pan
  • 26/08/2020 10h27 - Atualizado em 26/08/2020 10h34
WILLIAN MOREIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOSaques e transferências serão liberados posteriormente, seguindo cronograma que considera o mês de nascimento dos beneficiários

O governo federal, por meio do ministério da Cidadania, divulgou nesta quarta-feira, 26, mais um calendário de pagamentos do auxílio emergencial. Neste novo cronograma serão contemplados beneficiários cadastrados pelas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho, pessoas que tenham feito a contestação dos pedidos entre os dias 3 de julho e 16 de agosto, e tenham sido considerados elegíveis; e beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores, mas que tiveram o pagamento reavaliado no mês de agosto.Segundo publicação do Diário Oficial, os valores serão pagos, também inicialmente, pela poupança social digital na Caixa Econômica Federal, estando disponíveis para pagamentos de boletos e contas, assim como para a utilização dos valores por meio do cartão de débito virtual. Saques e transferências serão liberados posteriormente, seguindo cronograma que considera o mês de nascimento dos beneficiários.

Cronograma

Para os beneficiários cadastrados por agências dos Correios de 8 de junho a 2 de julho, assim como trabalhadores que tiveram valores contestados de 3 de julho a 16 de agosto, o calendário de pagamentos seguirá de 28 de agosto a 30 de setembro para o pagamento da primeira parcela. Para crédito da segunda e terceira parcela, os pagamentos acontecerão de 9 de outubro a 13 de novembro. Por último, para a quarta e quinta parcela os depósitos em poupança digital acontecerão de 16 de novembro a 30 de novembro. Ao mesmo tempo, para beneficiários que já receberam a primeira parcela do auxílio e tiveram o pagamento suspenso em agosto, os depósitos de todas as parcelas restantes será feito de 28 de outubro, quando nascidos em janeiro recebem os valores, até 30 de setembro, quando beneficiários que fazem aniversário em dezembro terão acesso aos valores na poupança digital. Saques e transferências também consideram o mês de aniversário e devem acontecer de 19 de setembro até 27 de outubro.