Governo exonera Godoy Horta, chefe de gabinete de Regina Duarte

  • Por Jovem Pan
  • 16/05/2020 11h16
Alan Santos/PRA saída de Godoy Horta foi assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, General Braga Netto

Uma edição extra do Diário Oficial da União trouxe, na sexta-feira (15), a exoneração de um dos primeiros nomeados por Regina Duarte: Pedro José Vilar Godoy Horta, secretário especial adjunto da Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania.

Seu substituto ainda não foi escolhido. Ele foi nomeado no início de março junto do advogado Pedro Machado Mastrobuono, que é presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram).

Na ocasião também foram escolhidos os nomes para secretário de Economia Criativa, chefe da Secretaria de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual e o chefe da Secretaria de Difusão e Infraestrutura Cultural.

A saída de Godoy Horta foi assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, General Braga Netto. Até o momento, a atriz Regina Duarte ainda não comentou a decisão.