Homem mantém dois adolescentes reféns por mais de 27 horas no Paraná

De acordo com a PM, o homem é padrasto dos adolescentes e se recusa a explicar o motivo do cárcere

  • Por Jovem Pan
  • 03/12/2019 17h07
Reprodução / TV GloboPadrasto mantém dois adolescentes reféns há mais de 27 horas

Um homem mantém dois adolescentes trancados em casa na cidade de Cafelândia, no oeste do Paraná, desde a tarde desta segunda-feira (2). O sequestro já passa de 27 horas e a polícia segue acompanhando a ocorrência nesta terça-feira (3). A informação é do G1.

De acordo com a PM, o homem é padrasto dos adolescentes e se recusa a explicar o motivo do cárcere. Nas tentativas de negociação para a liberação dos reféns, ele disse que não queria nada em troca e não pretende se render.

Os adolescentes têm 12 e 13 anos. O homem tem uma filha de dez anos com a mãe deles e vive na mesma casa da família há cerca de dez anos.

A mãe dos adolescentes não estão na casa. De acordo com a PM, os adolescentes estão amarrados e foram ameaçados à faca. As negociações começaram por volta das 15 horas.

Uma aeronave do Consórcio Intermunicipal Samu Oeste (Consamu) levou cerca de cinco policiais de Curitiba, na tarde desta terça (3), para a residência.

Policiais de Cafelândia, Cascavel e Toledo também acompanham o caso. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) de Curitiba chegou à cidade na noite segunda. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foram para o local.

O homem, que trabalha em uma empresa de construção civil, já teve problemas com álcool e drogas, mas passou por tratamento e internação em 2018, segundo familiares.