Irmão mais velho de ex-presidente Lula morre de câncer

  • Por Jovem Pan
  • 29/01/2019 14h21
EFEGleisi também manifestou o desejo de que Lula, preso na carceragem da Polícia Federal de Curitiba, compareça ao enterro do irmão

Genival Inácio da Silva, o Vavá, irmão de Lula, morreu de câncer nesta terça (29) em São Paulo. A informação foi divulgada primeiro pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e confirmada depois nas redes sociais do ex-presidente. “Vavá, em memória” diz o post feito no Twitter de Lula, seguido de uma foto dos dois.

“Lula tinha em Vavá uma figura paterna. Nossos sentimentos à família”, disse a deputada federal no Twitter, manifestando o desejo de que o ex-presidente, preso na carceragem da Polícia Federal de Curitiba, compareça ao enterro do irmão. “Abraço afetuoso e de força a Lula. Esperamos que ele possa ver Vavá pela última vez”.

Com a morte de Vavá, o ex-presidente pode ser beneficiado pelo artigo 120 da Lei de Execução Penal (LEP), que autoriza a saída temporária de presos mediante “falecimento ou doença grave do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão”. A concessão deve ser feita pelo diretor da carceragem e Lula só poderá acompanhar o velório com escolta policial.