Justiça autoriza Palocci a cumprir pena no regime aberto

  • Por Jovem Pan
  • 05/08/2019 20h45
EFE/HEDESON SILVAO ex-ministro foi condenado em 2017 por participação em esquema de corrupção

A Justiça Federal em Curitiba autorizou nesta segunda-feira (5) o ex-ministro Antonio Palocci a progredir para o regime aberto da condenação a nove anos de prisão em um dos processos da Operação Lava Jato.

Desde novembro do ano passado, Palocci cumpre a condenação em regime semiaberto com monitoramento por tornozeleira eletrônica. De acordo com a decisão do juiz federal Danilo Pereira Júnior, ele já cumpriu os requisitos temporais para progressão da pena, conforme previsto na legislação penal.

Pelas condições do regime, o ex-ministro deverá permanecer em casa todas as noites. Ele também está proibido de sair de sua cidade sem autorização. Palocci teve direito aos benefícios após a Justiça homologar um acordo de delação premiada com a Polícia Federal (PF).

O ex-ministro foi condenado em 2017 por esquema de corrupção no qual beneficiou a Odebrecht em contratos com a Petrobras envolvendo a construção de embarcações. Segundo o Ministério Público Federal (MPF), ele também geriu propinas para o PT.

*Com Agência Brasil