PM detém pessoas com armas brancas e acusados de apologia ao nazismo em protestos

  • Por Jovem Pan
  • 14/06/2020 16h43
DANILO M YOSHIOKA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOA PM deteve seis pessoas nos protestos em São Paulo neste domingo (14)

A Polícia Militar de São Paulo deteve neste domingo (14) três pessoas portando armas brancas indo em direção ao Viaduto do Chá, em São Paulo, onde manifestantes a favor do presidente Jair Bolsonaro se reuniram nesta tarde.

Por volta das 15h, policiais detiveram um homem portando um nunchaku, arma utilizada em artes marciais que consiste em dois bastões de madeira.

Depois, dois homens foram detidos portando uma faca e um bastão retrátil. As três pessoas foram encaminhadas ao 2º DP, no Bom Retiro, região central da capital, e os artefatos foram recolhidos.

Em entrevista à Jovem Pan, o porta-voz da PM de São Paulo, tenente-coronel Emerson Massera, afirmou que seis pessoas foram detidas nos atos na cidade.

Além dos três homens que portavam armas brancas, outras três pessoas foram encaminhadas à delegacia por serem acusadas de apologia ao nazismo. Segundo o porta-voz, eles estavam na Avenida Paulista, onde houve protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, e teriam constrangido um manifestante.

Segundo a PM, cerca de 100 pessoas se reuniram no Viaduto do Chá e 1 mil na Avenida Paulista. Os protestos foram pacíficos.