Martinho da Vila pede autorização à justiça para visitar Lula na prisão

  • Por Jovem Pan
  • 24/04/2018 09h14 - Atualizado em 24/04/2018 09h18
DivulgaçãoSambista diz que se trata de uma visita de amizade "sem conotações políticas"

O músico Martinho da Vila, amigo de longa data do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, protocolou um pedido nesta segunda-feira (23) na 12ª Vara de Execução Penal (VEP) de Curitiba para que ele e a mulher, Clediomar Ferreira, possam visitar o petista na Superintendência da Polícia Federal. As informações são do jornal O Globo.

A publicação divulgou a íntegra da carta, de apenas um parágrafo, que solicita a visita. Nela, o sambista diz que se trata de uma visita de amizade “sem conotações políticas”. O caso será julgado pela juíza Carolina Moura Lebbos, que já negou anteriormente pedidos semelhantes feitos por outros amigos e aliados do ex-presidente, como Dilma Rousseff, Gleisi Hoffmann e Ciro Gomes.

De acordo com a magistrada, mais de dez pedidos foram feitos nas duas últimas semanas, sob o argumento de que todos tinham algum vínculo de amizade com Lula. Segundo ela, não há nenhuma ilegalidade nas solicitações, mas os encontros ficarão restritos aos familiares e advogados.

“O alargamento das possibilidades de visitas a um detento, ante as necessidades logísticas demandadas, poderia prejudicar as medidas necessárias à garantia do direito de visitação dos demais. Deve, neste momento, ser observado e regramento vigente, o que inviabiliza o acolhimento dos pedidos de visita”, afirmou.