Ministro da Fazenda promete ‘a melhor transição possível’ e diz que sai ‘de cabeça erguida’

  • Por Jovem Pan
  • 31/10/2018 16h55 - Atualizado em 31/10/2018 18h35
Gustavo Raniere/MFEduardo Guardia disse que sairá de "cabeça erguida" do Ministério da Fazenda

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou nesta quarta-feira (31) ter o compromisso de fazer “a melhor transição possível” e que entregará o Brasil a seu sucessor melhor do que recebeu. Ele assumiu a pasta em abril, quando Henrique Meirelles (MDB) se demitiu para concorrer à presidência.

“Temos um novo ministro da Fazenda anunciado [o economista Paulo Guedes], temos que trabalhar todos juntos”, disse Guardia, durante premiação por desempenho a funcionários do ministério. No evento, ele destacou conquistas como a criação de um teto de gastos e a reforma trabalhista.

Na opinião de Guardia, caberá ao novo governo continuar agendas de mudança previdenciária e tributária, para que o Brasil cresça. “Recebemos o país com uma crise sem precedentes e conseguimos encaminhar os principais desafios que temos pela frente. Saímos de cabeça erguida.”

Durante discurso, a secretária-executiva da Fazenda, Ana Paula Vescovi, destacou que os servidores têm papel importante no processo de transição. “A aspiração dos brasileiros é que haja união em torno das propostas que foram legitimadas nas urnas.”

*Com informações do Estadão Conteúdo