Monitores publicitários do Aeroporto Santos Dumont exibem conteúdo adulto

Órgão federal acionou a Polícia Federal e alegou que a responsabilidade pela manutenção dos totens publicitários é de empresa terceirizada

  • Por Jovem Pan
  • 27/05/2022 15h01 - Atualizado em 27/05/2022 15h02
Reprodução/Twitter/@Aleirbagzaperom Aeroporto Santos Dumont Toten publicitário do Aeroporto Santos Dumont passou a exibir conteúdo adulto durante a manhã desta sexta-feira, 27

Totens do Aeroporto Santos Dumont, localizado no Centro do Rio de Janeiro, passaram a exibir imagens de um site de conteúdo adulto durante a manhã desta sexta-feira, 27. Imagens que circulam nas redes sociais mostram monitores do saguão do aeródromo exibindo a página inicial de um dos sites pornográficos mais acessados do mundo. Em contato com a reportagem da Jovem Pan, a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) – que administra o aeroporto carioca – alegou que acionou a Polícia Federal, notificou a empresa terceirizada responsável pela exibição dos conteúdos publicitários e ressaltou que tomará as medidas legais cabíveis para o caso. Segundo a estatal, a parceira que explora os totens do Santos Dumont utiliza rede lógica interna e sistemas próprios de divulgação de imagens.

Confira a nota, na íntegra, da Infraero sobre o episódio:

Ao tomar conhecimento da publicação indevida em um dos monitores publicitários do Aeroporto de Santos Dumont, a Infraero tomou as medidas legais cabíveis, com registro de boletim de ocorrência e comunicação à Polícia Federal, bem como a notificação da empresa terceirizada responsável pela sua gestão para tomar providências quanto à segurança das informações veiculadas em totens de mídia nesta sexta-feira (27/5).

Ressaltamos que o conteúdo exibido nos monitores de mídia é de responsabilidade das empresas exploradoras de publicidade, que utilizam redes lógicas e sistemas próprios de divulgação, não tendo qualquer relação com o sistema de informação de voos da Infraero.

Nesse sentido, reforçando seu compromisso com a segurança de seus passageiros, informamos que os monitores relacionados ao caso permanecerão desligados em nossa rede de aeroportos até que esteja garantida pela empresa exploradora de mídia sua confiabilidade.