Moreira Franco é o quinto ex-governador do Rio preso em três anos

  • Por Jovem Pan
  • 22/03/2019 08h53 - Atualizado em 22/03/2019 09h30
Agência BrasilChefe do executivo fluminense entre 1987 e 1991, ex-ministro foi alvo da Operação Lava Jato no estado

Preso nesta quinta (21) em uma avenida do Rio de Janeiro, Wellington Moreira Franco é o quinto ex-governador do estado detido nos últimos três anos. O emedebista foi antecedido por Sérgio Cabral, Luiz Fernando Pezão, Anthony Garotinho e Rosinha Garotinho.

Chefe do executivo fluminense entre 1987 e 1991, o ex-ministro foi alvo da Operação Lava Jato no estado sob a acusação de intermediar o pagamento de R$1 milhão em propina à construtora Engevix.

Último a comandar o governo do estado, Pezão está preso no Batalhão Especial Prisional e é acusado de manter o esquema de corrupção iniciado por Cabral, detido em 2016.

Na quarta-feira (20), Cabral foi denunciado pela 29ª vez pelo Ministério Público Federal do Rio de Janeiro por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Reunindo todas as penas, ele deve cumprir cerca de 200 anos de prisão.

Anthony e Rosinha, por sua vez, são acusados de corrupção, concussão, participação em organização criminosa e falsidade na prestação das contas eleitorais. O casal recorreu e responde ao processo em liberdade.

Com Agência Brasil