Moro minimiza vazamento de conversas: ‘Não se vislumbra qualquer anormalidade’

  • Por Jovem Pan
  • 10/06/2019 07h39 - Atualizado em 10/06/2019 07h59
Aloisio Mauricio/Estadão ConteúdoOs diálogos são entre o atual Ministro da Justiça Sergio Moro e o Procurador da República e coordenador da Lava Jato em Curitiba, Delton Dallagnol.

O Ministro da Justiça Sergio Moro se manifestou sobre a série de reportagens publicada pelo site de notícias ‘The Intercept Brasil’.

Denominadas de ‘As mensagens secretas da Lava Jato’, as reportagens vazam conteúdos de aplicativos de mensagens privadas entre integrantes da força-tarefa da Lava Jato. Os diálogos são entre o atual Ministro da Justiça Sergio Moro e o Procurador da República e coordenador da Lava Jato em Curitiba, Delton Dallagnol.

Em nota, o ministro afirmou que: “Sobre supostas mensagens que me envolveriam publicadas pelo site Intercept neste domingo, 9 de junho, lamenta-se a falta de indicação de fonte de pessoa responsável pela invasão criminosa de celulares de procuradores. Assim como a postura do site que não entrou em contato antes da publicação, contrariando regra básica do jornalismo. Quanto ao conteúdo das mensagens que me citam, não se vislumbra qualquer anormalidade ou direcionamento da atuação enquanto magistrado, apesar de terem sido retiradas de contexto e do sensacionalismo das matérias, que ignoram o gigantesco esquema de corrupção revelado pela Operação Lava Jato.”

Segundo o ‘The Intercept Brasil’, as conversas publicadas fazem parte de um lote de arquivos “enviados por uma fonte anônima há algumas semanas”. Em três atos, o conteúdo mostra diversos trechos de mensagens trocadas nos últimos anos.