Mulher de Cunha diz que recebeu R$ 5 mi de indenização da Justiça do Trabalho

  • Por Estadão Conteúdo
  • 03/06/2016 10h41
Coquetel de encerramento da reunião do Parlamento Latino-americano (Parlatino) no Salão Nobre da Câmara dos Deputados. Em discurso, presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) ao lado de sua esposa, a jornalista Cláudia Cruz. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado.Cunha e Cláudia

A jornalista Cláudia Cruz, mulher do deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ), presidente afastado da Câmara, afirmou à força-tarefa da Operação Lava Jato que recebeu uma indenização de R$ 5 milhões da Justiça do Trabalho. 

De acordo com Cláudia, “esses recursos foram usados para aquisição do patrimônio pessoal da declarante”. A jornalista, contudo, não esclareceu detalhes da origem desse dinheiro.

Cláudia Cruz depôs no último dia 28 de abril. Na ocasião, os investigadores a questionaram sobre a fortuna gasta no exterior com cartões de crédito, algo em torno de US$ 525,15 mil, entre os dias 3 de janeiro de 2013 e 2 de abril de 2015